5/5 - (471 votes)

Você sabia que existem vários tipos de aquisição de empresas? O investidor pode definir diferentes estratégias de compras e, dessa forma, alavancar os resultados dos seus negócios de forma mais rápida, segura e precisa.

Por exemplo, é possível entender se há vantagem de adquirir uma empresa fornecedora ou então uma companhia que possui produtos complementares.

Ou seja, ao conhecer as possibilidades de investimentos que podem ser feitos, potencializa-se a criação de estratégias para investir no futuro da sua organização. Quer aprender mais sobre esse assunto?

Leia este texto até o final e entenda quais são os principais tipos de aquisição de empresas, suas vantagens e exemplos com situações reais.

Boa leitura!

Na CAPITAL INVEST – M&A Advisors, assessoramos com foco no valuation, na venda e na compra profissional de empresas médias ou grandes: i) de receita bruta anual entre R$20 milhões e R$2 bilhões, ii) com lucro líquido positivo, e iii) (idealmente) com boas perspectivas de crescimento.

Se este for o perfil da sua empresa, ou da sociedade que pretende avaliar ou da empresa que almeja adquirir, entre em contato através deste formulário.

A consequência das nossas parcerias em fusões e aquisições em mais de 50 países de 4 continentes, conseguimos vender a sua empresa no Brasil e no Exterior.

Trabalhamos com empresas e investidores de todo o Brasil. Ex: São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Bahia, Goiás, Espírito Santo, Ceará, Pernambuco, Amapá, Distrito Federal, Mato Grosso, Rio Grande do Norte, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Pará, Piauí, Sergipe, Amazonas, Alagoas, etc.

Somos uma reputada boutique de M&A com presença global especializada em finanças corporativas, e teremos o maior prazer em agendar uma visita em nosso escritório localizado em pleno centro financeiro de São Paulo, SP, Brasil.

O QUE É O PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE EMPRESAS?

A aquisição de empresas acontece quando uma empresa, geralmente de maior porte, compra parte ou totalidade de outra empresa de menor porte. Esse processo pode gerar ou não o desaparecimento total do negócio comprado.

Mas, de toda forma, há mudança do quadro societário e a gestão da companhia adquirida é realizada pela compradora.

De modo diferente da fusão, na aquisição, não há a criação de uma nova empresa. A companhia comprada pode continuar de modo independente ou ser completamente absorvida pela organização.

O que realmente muda, obrigatoriamente, em uma aquisição total, é que a empresa compradora é a nova responsável por todos os direitos e todas as obrigações do negócio adquirido.

A compra de uma empresa pode ser feita de várias formas, com estratégias distintas. Separamos abaixo as principais delas e também falamos sobre vantagens de cada tipo de aquisição de empresas.

TIPOS DE AQUISIÇÃO DE EMPRESAS PELO PERCENTUAL ADQUIRIDO

Desde o ponto de vista do percentual adquirido, a compra da empresa pode ser feita, de três formas:

Aquisição parcial

O primeiro dos tipos de aquisição de empresas, considerando o percentual adquirido.

Aquisição parcial é a compra de 10 a 49% da participação societária.

É um tipo de transação muito comum quando o adquirente é um fundo sem foco em gestão, ou um investidor com perfil financeiro.

Aquisição de controle

É a aquisição de mais de 50% da participação.

Este é o tipo de transação mais frequente. Muito usada por fundos de private equity e por investidores estratégicos.

Aquisição total

Aquisição total é a compra de 100% da participação.

Este tipo de transação é muito frequente quando o adquirente é um investidor estratégico que conhece bem o segmento e tem foco em melhorar a operação da empresa.

Tipos de Aquisição de empresas

TIPOS DE AQUISIÇÃO DE EMPRESAS PELO SETOR DA EMPRESA ADQUIRIDA

Aquisição vertical

O primeiro tipo de compra de empresas, considerando o setor da empresa adquirida, é a integração vertical, que acontece quando a sociedade adquirida está atrás ou na frente na cadeia de valor. Ou seja, elas operam no mesmo setor, mas estão em pontos diferentes na cadeia de valor.

Por isso, a aquisição entre essas empresas é chamada de vertical: uma está acima e outra abaixo na cadeia de valor.

Um grande exemplo dessa forma de comprar empresa é quando uma sociedade adquire um de seus fornecedores. Dessa forma, pode-se baratear a compra de insumos e acelerar a produção do produto final, melhorando a qualidade e a velocidade de entrega e, consequentemente, a satisfação do cliente final.

Logo, as maiores vantagens desse tipo de aquisição de empresas são:

  • redução de custos;
  • diminuição nível de risco (pela menor dependência desse fornecedor);
  • aumento da credibilidade da marca por atuar desde a fabricação até a distribuição de produtos (ou serviços).
  • maior controle operacional;
  • melhoria dos processos internos e da gestão corporativa;
  • aumento de competitividade;
  • proteção da propriedade industrial e intelectual;

Aquisição horizontal

A aquisição horizontal acontece quando a empresa comprada é produtora de bens ou trabalha com serviços similares à empresa adquirente. Ou seja, são concorrentes, atuando no mesmo setor, porém não necessariamente na mesma região.

Alguns benefícios:

  • Expansão geográfica
  • Aumento do número de clientes
  • Diminuição do nível de concorrencial.
  • Economias de escala, que dilui os custos administrativos entre uma receita maior.

Conglomerado

O conglomerado é um tipo de aquisição em que a empresa adquirida opera em um segmento diferente da empresa adquirente.

Como, por exemplo, a compra da Alpargatas (Havaianas) pela Itaúsa, que também é dona do Itaú Unibanco e da Duratex.

A estratégia dessa compra foi principalmente financeiro.

O conglomerado tem como maior benefício o financeiro, pois a empresa adquirente não precisa criar um setor ou um negócio do zero, e consegue lucrar desde o primeiro momento. Ela compra outra empresa e aproveita todo o know-how e os processos já estabelecidos para alavancar o faturamento de forma mais rápida e segura.

Por outro lado, uma desvantagem desse tipo de aquisição de empresas é que a gestão da companhia compradora costuma ser mais complexa, principalmente por ser um novo segmento e diferentes produtos/serviços comercializados.

TIPOS DE AQUISIÇÃO DE EMPRESAS PELO OBJETIVO DA TRANSAÇÃO (HORIZONTAL)

Adicionalmente as compras de empresas horizontais podem ser classificadas pelo propósito da aquisição:

Aquisição para expansão

O primeiro dos tipos de aquisição de empresas, considerando o o objetivo de uma transação horizontal.

Quando uma empresa compra outra que vende o mesmo produto ou serviço, mas para públicos diferentes. Ex: em regiões diferentes. O objetivo é a expansão da base de clientes.

Aquisição complementar

É a aquisição de um negócio que oferta produtos e serviços complementares. O objetivo é o “cross selling” de produtos na mesma base de clientes.

Aquisição para concentração de mercado

Quando a aquisição acontece com uma empresa que atua na mesma região e com produtos e serviços em comum. O objetivo é diminuir o nível de concorrência nessa região.

TIPOS DE AQUISIÇÃO DE EMPRESAS PELA POSIÇÃO NEGOCIAL DO ADQUIRENTE

Dependendo da posição negocial do adquirente, existem dois tipos de aquisição de empresas: aquisições amigáveis e aquisições hostis. E elas podem ser feitas por compra de ativos ou ações. Entenda melhor as características de cada um deles.

Aquisição amigável

A aquisição amigável é definida pela cooperação com o processo de compra dos sócios e gestores da empresa à venda.

Isto é, ela acontece quando os líderes da companhia à venda colaboram com o processo de Due Diligence (auditoria), concordando que essa transação é benéfica para o negócio e para todos os envolvidos.

Esse tipo de aquisição é feito em clima de parceria, com ausência de conflitos que coloquem a transação em risco.

Aquisição hostil

Já a aquisição hostil é a negociação que ocorre contra a vontade do Conselho de Administração e dos sócios e gestores da empresa adquirida.

Esse tipo de aquisição de empresas acontece, geralmente, com a compra da maioria do capital no mercado acionário, tornando a adquirente o controle do negócio.

TIPOS DE AQUISIÇÃO DE EMPRESAS PELA FORMA DA TRANSFERÊNCIA DO CONTROLE

Aquisição pela compra de ações da empresa

A forma mais comum de adquirir uma empresa é por meio da compra da participação total ou parcial das ações societárias. Ou seja, a empresa compra a maioria do capital de controle do negócio à venda.

A aquisição envolve, além dos ativos, todos os passivos e riscos enfrentados pela sociedade adquirida.

Aquisição pela compra de ativos da sociedade

Em alguns casos, quando os passivos da empresa inviabilizam a transação, a compra de uma empresa pode ser feita pela aquisição da marca e dos ativos líquidos da sociedade. O dinheiro recebido na transação é pago aos sócios por liquidação ou por um dividendo extraordinário.

Posteriormente, uma parte, ou todos os funcionários poderão ser transferidos para a nova sociedade.

CONSULTORIA CAPITAL INVEST – M&A ADVISORS

A aquisição de uma sociedade envolve um conjunto de técnicas e expertise em fusões e aquisições. Contar com uma assessoria especializada em M&A, com profissionais renomados que conheçam o mercado de M&A, e com vasta experiência negocial, o ajudará a obter o melhor valor e diminuir riscos na aquisição de uma empresa.

Nós da CAPITAL INVEST – M&A Advisors somos uma consultoria especializada em M&A que soma mais de R$ 20 bilhões em fusões e aquisições, compra e venda de sociedades em funcionamento, ao longo de mais de duas décadas.

Por meio de nossa ampla experiência, conhecimento de diversos setores e presença global, através de parcerias mais de 50 países de quatro continentes, podemos te auxiliar a preparar a sua empresa para a venda, valuation e vender a sua empresa em funcionamento de uma forma profissional, no Brasil e no Exterior com o intuito de obter o melhor valor.

Também podemos te ajudar a selecionar, calcular o valor e comprar uma empresa de forma profissional com o intuito de diminuir riscos e garantir um bom valor.

Nosso foco é a prestação de serviços de assessoria em avaliação de sociedades, venda e  compra de empresas médias ou grandes: i) de receita bruta anual entre R$20 milhões e R$2 bilhões, ii) com lucro líquido positivo, e iii) (idealmente) com boas perspectivas de crescimento.

Se este for o perfil da sua empresa, ou da empresa que procura avaliar ou adquirir, entre em contato conosco através deste formulário, que nós podemos te ajudar nesse processo!

Este conteúdo foi elaborado pelo time de especialistas da  CAPITAL INVEST - M&A Advisors, assessores financeiros com até 40 anos de experiência em compra, venda e valuation de empresas.


Na CAPITAL INVEST – M&A Advisors, assessoramos financeiramente no valuationcompra, e venda profissional de empresas médias ou grandes: i) de receita anual entre R$20 milhões e R$2 bilhões, e ii) com lucro líquido positivo, para avaliar e/ou comprar e/ou vender sua empresa no Brasil ou no Exterior.

@2023 | CAPITAL INVEST – M&A Advisors | All rights reserved | Política de Privacidade e Termos de Uso

Scroll to Top